0800 940 8840
Horário de atendimento:
24 horas
TUI DE

Metrô de Atenas para viajar… no tempo

Estação da linha dois
Ruínas encontradas durante as obras do metrô
Estação de Monastiraki
Estação Omonia
Estação de metrô Sintagma

Andar de metrô pela cidade de Atenas pode ser uma aventura apaixonante. As exposições arqueológicas e artísticas convivem com os viajantes, proporcionando-lhes uma experiência dupla: transporte e museu subterrâneo.

Construir uma rede de metrô em Atenas significou solucionar um grande quebra-cabeça, já que, a cada avanço das obras, apareciam restos arqueológicos que obrigavam a interrompê-las. Tendo em vista as Olimpíadas de 2004, a construção do metrô começou nos anos 1990. No entanto, estas modificações na cidade se transformaram no projeto arqueológico mais importante de Atenas, com 79.000 metros quadrados de escavações e mais de 50.000 objetos recuperados, pertencentes desde o período neolítico até a era pós-bizantina. Para isso, foram usadas perfuradoras especiais e, em alguns momentos, chegou a haver mais arqueólogos do que engenheiros nas jazidas.

A solução proposta foi transformar algumas estações em uma espécie de museu para exibir esses achados. Deste modo, o metrô ateniense, além de cumprir sua função de meio de transporte, converteu-se em um interessante museu subterrâneo com preços baixos e um horário de abertura prolongado. Os passageiros, tanto turistas como gregos, deixam a pressa na superfície para admirar as vitrines e esculturas que adornam a rede de trens. Com suas três linhas e 65 paradas, Atenas pode se gabar de ter as seis estações de metrô mais atrativas para os amantes da arqueologia: Sintagma, Keramikós, Monastiraki, Acrópolis, Panepistimiu e Evangelismós. Na maioria das demais estações, expõem-se obras de artistas contemporâneos gregos relacionadas com seus frequentadores ou com o próprio metrô. Um bom exemplo disso é o grande relógio da estação Sintagma, criado pelo escultor Theodoros Papadimitriou. Ali, também há diversas esculturas, um mosaico da época romana, os restos de um cemitério e uma grande quantidade de objetos expostos em urnas de vidro. O mais chamativo é a parede de metacrilato que permite ver o corte do terreno, resultado das escavações.

Na Monastiraki, uma fotografia enorme mostra o que os operários encontraram durante as obras do metrô: centenas de fragmentos de cerâmica e outros tesouros arqueológicos. É uma das mais frequentadas pela célebre feira que se realiza na praça e nas ruas que a rodeiam e também por suas muitas tabernas. Quanto aos achados em exposição, é uma das mais espetaculares. Nesta estação, os objetos descobertos não estão expostos em vitrines. O que há ali é um pedaço da cidade. Quando o subsolo foi escavado, os trabalhadores descobriram restos arqueológicos do século VIII a.C.: casas, ateliês e um sistema de abastecimento de água que fluía a partir do rio Iridanos, que passava por esta zona. Tudo isso está explicado em um grande painel informativo. Também na linha azul, na parada de Aigelo, uma exposição de objetos cotidianos aproxima os passageiros do dia a dia dos antigos povos de Atenas e permite ver candeeiros, figuras decorativas e oferendas.

A maioria dos monumentos encontra-se na mesma área, nos bairros de Plaka e Monastiraki. Ainda assim, vale a pena passear também pelo subsolo ateniense para ver peças que não estão nos museus, mas sim debaixo deles. E a cada ampliação do metrô, surgem novidades. Próxima estação... História.

Embaixo do coração de Atenas

Na estação da Acrópole, a mais próxima do monumento mais visitado da cidade, várias réplicas recriam as estátuas do Partenon, criadas por Fidias, e fazem companhia a quem espera o próximo trem. Subindo as escadas, a exposição continua: vasos nos quais o azeite e o vinho eram transportados, brinquedos e até um dos prêmios que eram entregues aos vencedores dos jogos Panatenaicos.

Informações úteis

O bilhete simples custa 1,40€ e permite usar todos os transportes públicos da cidade durante 90 minutos. Também existem passes de 1, 3 e 5 dias. O de 3 dias está pensado para turistas e inclui o aeroporto internacional de Atenas, além de viagens ilimitadas no resto dos meios de transporte do município. Pode ser comprado na estação do aeroporto e nas de Omonoia, Sintagma, Thiseio, Monastiraki, Acrópole e Pireu.