0800 940 8840
Horário de atendimento:
24 horas
TUI DE

A joia de Marrakech

Interior do pátio da Madrassa Ben Youssef
Pátio da Madrassa Ben Youssef
Arcos do pátio da Madrassa Ben Youssef

Desde o século XIV, foi a mais importante Faculdade de Teologia e Direito do norte da África. Hoje, para quem vai a Marrakech, é uma visita imprescindível.
Hoje em dia, a Madrassa Ben Youssef é um dos símbolos da cidade. É um dos edifícios mais conhecidos e visitados do país. Não se destaca apenas pela construção, considerada uma joia da arquitetura árabe-andaluza, mas também, e principalmente, por ser um símbolo importante do poder que o Marrocos teve no passado, especialmente entre os séculos XIV e XVI. As madrassas são as instituições responsáveis pelo ensino religioso. Em uma cultura firmada na religião, como é a islâmica, é fácil compreender a importância e o prestígio que têm estas edificações, pois é ali que se dá instrução, entre outros, aos futuros governantes e às personalidades importantes da cidade. Quanto maior for o poder da região, mais importante será a madrassa onde a população é educada.

A Madrassa Ben Youssef foi construída no século XIV como sede da Universidade de Teologia e Direito muçulmano. O nome provém de Ali Ben Youssef, filho e sucessor do fundador de Marrakech. Situada ao pé da mesquita mais antiga da cidade, a madrassa tonou-se a maior escola corânica do Marrocos e a mais famosa de todo o norte da África. Era um complexo composto pela universidade corânica e pela residência de estudantes, chegando, na época de maior esplendor, a abrigar mais de 900 alunos. No século XVI, foi completamente reformada pelos sultões da dinastia saadiana (povo árabe do sul do Marrocos que afirma ser descendente do profeta Maomé).

Uma das características fundamentais desta madrassa é o contraste entre o luxo que se pode apreciar no pátio - geralmente utilizado como sala de aula - e a austeridade e simplicidade dos quartos dos estudantes, localizados no andar superior. No acesso principal à Madrassa, na parte superior da porta de entrada, pode-se ler uma mensagem de boas-vindas. Além disso, por meio do saguão, chega-se ao espaço mais impressionante de todo o edifício: o grande pátio central, em cujo meio existe uma fonte pouco profunda e na qual os estudantes faziam as abluções anteriores à oração. O pátio tem galerias laterais cobertas. Em um dos extremos, por meio de um arco, chega-se à sala de oração: retangular, com colunas de mármore carrara, onde se destaca o teto piramidal. A entrada do mihrab tem muitas semelhanças com a da Mesquita de Córdoba, e o teto de cedro talhado e decorado com estuque chama a atenção. Ao redor do pátio, distribuídos pelo térreo e pelo primeiro andar, encontram-se os quartos e dormitórios estudantis. A decoração desses recintos é muito austera em comparação com a do pátio e da sala de oração.

A Madrassa de Marrakech permaneceu em funcionamento até a metade do século XX. Em 1960, foi oficialmente fechada e, depois de algumas décadas de abandono e degradação, o edifício foi reabilitado como espaço turístico em 1982. Atualmente, é um dos monumentos mais visitados da cidade por viajantes de todo o mundo. O bilhete de entrada inclui acesso a outros lugares históricos, como o Museu de Marrakech e o Koubba Ba'Adyin Almorávida.

A origem da cor avermelhada de Marrakech

Segundo reza a lenda, quando, no século XII, os sultões almóadas construíram a Mesquita de Koutoubia, uma das maiores do norte da África, ergueram o edifício no coração da cidade. Dali, brotou tanto sangue que as muralhas e os edifícios ficaram permanentemente tingidos de vermelho.

Milhares de anos de história

A Koubba é o edifício mais antigo de Marrakech. Foi construído no século XI por Ben Youssef e faz parte de uma mesquita da qual, atualmente, não resta nenhum vestígio. A sua excelente conservação deve-se ao fato de que permaneceu soterrada até 1952.

Top 5 Hotéis

Marrocos, Marraquexe e arredores, Mechouar Kasbah

Riad Jonan

29 abril 2019, 3 noites, 2 Pessoas, Café da manhã
Marrocos, Marraquexe e arredores, Marraquexe

Riad Zolah

28 abril 2019, 2 noites, 2 Pessoas, Café da manhã
Marrocos, Marraquexe e arredores, Marraquexe

Les Deux Tours

29 abril 2019, 3 noites, 2 Pessoas, Café da manhã
Marrocos, Marraquexe e arredores, Marraquexe

Riad Farnatchi

26 abril 2019, 2 noites, 2 Pessoas, Café da manhã
Marrocos, Marraquexe e arredores, Marraquexe

Villa des Orangers

30 abril 2019, 2 noites, 2 Pessoas, Café da manhã