0800 940 8840
Horário de atendimento:
24 horas
TUI DE

Nova Déli, que saborosa você é!

Samosas.
Pão indiano.
Chá masala.
Arroz basmati.
Bebida de iogurte lassi em uma banca de rua.

Em um país tão extenso, povoado e colonizado como a Índia, a gastronomia é tão variada que é quase impossível não se surpreender.
Quando pensamos na cozinha indiana, vem à cabeça - ou melhor, à ponta da língua - o sabor do curry, das especiarias apimentadas (ou não) e do arroz basmati. São os sabores "made in Índia" mais exportados. Embora, dada a extensão do território, haja muitos outros. Por exemplo, no norte do país, não é tão frequente encontrar pratos apimentados. Nova Déli oferece uma ampla diversidade de comida e maneiras de comer, desde a cozinha local típica até a internacional. E você pode experimentá-la tanto nas bancas de rua, onde acalmar a fome por um pequeno preço, como em restaurantes gourmet, passando pelos autênticos refeitórios indianos, onde se almoça no chão e se pega a comida com quatro dedos da mão direita (nem o indicador nem a mão esquerda devem ser usados - esta última é culturalmente utilizada por algumas castas para a higiene íntima).

A dieta de Nova Déli é basicamente vegetariana (não vegana). Inclui derivados de animais como lácteos e ovos. Isso se deve a questões religiosas e à extensão dos cultivos de hortaliças e legumes, produtos que prosperam graças a um clima favorável. Por isso, os vegetais acompanham a maioria dos pratos. Nas bancas de rua, é muito frequente encontrar samosas. Levadas por marinheiros portugueses, são parecidas com empadas, crocantes e de forma triangular, recheadas com legumes cozidos com curry. O arroz é a companhia fiel de todas os cardápios. As plantações da variedade basmati, o grão mais característico do país, são extensas e frutíferas.

Mas nem toda a gastronomia da Índia é de origem vegetal. O frango está presente em várias receitas, por exemplo no tradicional tandoori (o tandoor é um forno de barro de forma esférica ou cilíndrica), sendo também comum o consumo de carne de porco por hindus ou de vaca por muçulmanos, além de cordeiro. Normalmente, tiram os ossos e servem a carne em pequenos bocados. Peixes e mariscos também podem ser preparados com curry, embora em menor quantidade do que a carne vermelha. Tudo é acompanhado de pão indiano, sempre presente nas mesas. É parecido ao pão de pita (não por acaso, pois a influência árabe se faz presente em sua receita) mas elaborado sem levedura, simplesmente com farinha, água, óleo e sal. Às vezes, é temperado com alho, cebola ou queijo.

Em termos de bebidas, a mais comum entre a população é o chá (ou chai); também não é coincidência que a Índia é o segundo maior produtor de chá do mundo. Quando as folhas são fervidas com água, leite e diversas especiarias, o chá se denomina masala (masala chai). É muito típico do sul do país, e em Nova Déli pode ser consumido em praticamente qualquer esquina. É vendida pelos chai wallahs.

Água de coco no lugar do vinho

Embora o álcool não seja bem visto, em alguns restaurantes a cerveja é um acompanhante comum das refeições. O vinho, por sua vez, não é nada frequente nos cardápios locais. A água de coco, a limonada ou o lassi (bebida à base de iogurte, que pode ser salgada ou doce) são bebidas frescas muito populares entre os moradores de Nova Déli, assim como são o contraponto perfeito para pratos fortes, apimentados e cheios de especiarias.

Hambúrgueres vegetais

Embora muitos moradores locais sejam vegetarianos, não se privam do prazer de um hambúrguer. Para entrar na moda da fast food saudável, você só precisa visitar locais que preparam hambúrgueres vegetarianos. As redes internacionais, por sua vez, adaptam-se aos gostos locais: se for a uma delas, tenha em mente que não poderá pedir de carne.