0800 940 8840
Horário de atendimento:
24 horas
TUI DE

68 Champs-Élysées: onde beleza e gastronomia estão de mãos dadas

Fachada da Maison Guerlain
Interior da Maison Guerlain
Galeria dos espelhos na Maison Guerlain

Faz mais de cem anos que a Maison Guerlain instalou-se na Champs-Élysées e, ainda hoje, continua sendo um lugar cultuado pelos amantes da beleza.
A marca Guerlain nasceu em 1828, quando Pierre-François Pascal decidiu seguir seu caminho sozinho, por sua conta e risco, depois de ser recusado por um shopping. Ele recorreu ao melhores arquitetos e projetistas da época, que o ajudaram a criar estabelecimentos únicos nas melhores regiões de Paris: Rue de la Paix, Praça Vendôme, Champs-Élysées… E tudo sob o conceito de Boutique Guerlain, cujo estilo tem se mantido o mesmo desde então.

Cada estabelecimento foi projetado para proporcionar uma experiência de imersão no universo Guerlain: recepção atenciosa, design elegante, materiais delicados e detalhes de outras épocas. Um cenário que convida a sentir, cheirar, olhar, relaxar e deixar-se conquistar e surpreender. Inclusive, a paixão pela arte é uma das características marcantes da Guerlain, que faz parcerias com os artistas mais vanguardistas de cada época em busca de uma cultura integral da beleza. Para eles, cada produto e cada loja é uma oportunidade de satisfazer a percepção de prazer de uma forma que vá além da mera necessidade e funcionalidade.

Os frascos e os estojos de suas fórmulas excepcionais são criados por grandes designers. Ilustradores são contratados para a criatividade gráfica. E os arquitetos são procurados para a concepção dos espaços. Tudo isso, claro, sempre de uma maneira mais ousada. Os nomes de Baccarat e de Pochet estão tão ligados aos perfumes Guerlain como os nomes dos perfumistas, liderados atualmente por Thierry Wasser.

Em 2013, a maison entregou ao arquiteto norte-americano Peter Marino a reestruturação da boutique de número 68 da Champs-Élysées. Marino criou um museu dedicado à Casa Guerlain, cujo conceito de beleza engloba cosméticos, perfumes e também a gastronomia, como não poderia deixar de ser, já que estamos falando de Paris. O espaço dobrou de tamanho em relação à boutique original, mas foram preservados os elementos art nouveau do seu interior e a decoração do edifício projetado por Charles Mewès, também arquiteto do Hotel Ritz.

A nova boutique, inaugurada em 2014, respira luxo desde a entrada. Revestida em mármore branco, forma um pátio de luz onde flutua uma composição de abelhas, um dos emblemas da marca desde 1853. Os perfumes dominam a sala principal, unida à parte histórica, onde se destacam a escultura do sol dourado - sinal de distinção e imagem da marca -, quatro aranhas de vidro de Baccarat, que lembram os frascos das fragrâncias mais famosas da Guerlain, e um teto de metal polido, que reproduz o movimento das ondas.

A sala dedicada exclusivamente aos perfumes é acompanhada por outra, decorada com espelhos, onde se homenageia o mundo da maquiagem e onde olhos grandes de vidro parecem seguir o visitante por toda parte. Há ainda um espaço situado no andar inferior dedicado a criações exclusivas como objetos para presentear e colecionar, entre eles livros, postais, velas e seu perfume em homenagem à Boutique, o L'Eau de Parfum du 68. Não há por que se perder na galeria dos espelhos, lugar que lembra Versalhes e onde peças do patrimônio artístico da Guerlain são expostas. Você também poderá aproveitar a ocasião e criar a sua própria fragrância, com um atendimento personalizado.

A 'flagship store' da Guerlain, em Paris, tornou-se assim um espaço de curiosidades que procura cativar o visitante com suas criações cada vez mais ousadas, por exemplo luvas perfumadas e lenços de seda, Les Délices du 68, uma gama exclusiva de chás e mel e alguns relançamentos de criações famosas como o pó compacto Ladies in All Climates, ou ainda a edição especial do lápis labial Rouge G (68).

Le 68 Guy Martin.

A Boutique Guerlain da Champs-Élysées não faz sentido sem o Le 68, o restaurante com um menu degustação exclusivo, idealizado por Guy Martin, chef com uma estrela Michelin, e Thierry Wasser. As criações do chef do restaurante Le Grand Véfour foram inspiradas por diferentes fragrâncias da marca. Jasmim, bergamota e baunilha são algumas das essências que ganham vida na cozinha, com pratos como o folhado de foie gras e baunilha de Madagascar, o bacalhau coberto de alcaçuz, ou ainda os espargos com suco de laranja e flor de laranjeira.

Instituto Guerlain

A boutique não ficaria completa sem o instituto, que oferece tratamentos de beleza especializados desde 1939, complementando a experiência sensorial do spa. Decorado com um jardim de inverno cheio de orquídeas, o espaço apresenta um catálogo atualizado focalizado no atendimento individual. Ali, é possível descobrir o método de massagem manual facial exclusivo da marca, bem como o exclusivo método Actilift, baseado na tecnologia do ultrassom, que consegue que a pele de qualquer mulher recupere o seu esplendor. Assim, a marca proporciona, a cada cliente, uma alquimia perfeita entre estética e prazer.