0800 940 8840
Horário de atendimento:
24 horas
TUI DE

Passeio nas alturas

Teleferico Pan de Azucar
Parapente sobre Rio de Janeiro
Mirador Rio de Janeiro
Helicoptero en Rio

O Rio de Janeiro, também conhecido como a “Cidade Maravilhosa”, oferece várias opções para ser vista de cima. Algumas são mais ousadas que outras, mas todas têm algo em comum: insuperáveis imagens do município.
Tudo é uma questão de perspectiva. Do céu, qualquer cidade parece outra. O Rio de Janeiro oferece ao viajante a possibilidade de ser observado e apreciado das alturas. E é preciso aproveitar! Uma escolha habitual é pegar o teleférico até o Pão de Açúcar, um dos símbolos da cidade. O trajeto é realizado em duas etapas. Na primeira, o bondinho sobe 220 metros com relação ao nível do mar e faz uma parada sobre o Morro da Urca. Na segunda, vai até o Pão de Açúcar, a quase 400 metros de altitude. A partir deste ponto, você pode ter uma vista privilegiada da Baía de Guanabara, das praias de Copacabana, Ipanema e Leblon e do Parque Nacional da Tijuca. Para cinéfilos, este teleférico aparece no filme "007 Contra o Foguete da Morte", no qual o bondinho onde viaja James Bond é sabotado.

Quem já não sonhou com isso? Em percorrer as alturas da cidade de helicóptero? No Rio, existem várias empresas que realizam passeios turísticos usando esse meio de transporte. Chamado também de “táxi aéreo”, é utilizado não só por turistas, mas também por pessoas com maior poder aquisitivo que precisam se deslocar rápido entre suas zonas. No caso dos turistas, empresas que oferecem percursos de helicóptero permitem começar e acabar a volta no mesmo local. Há viagens de 30 minutos sobre o Rio de Janeiro com transporte de ida e volta ao hotel incluídos no preço. Os valores podem oscilar entre 700 e 1.000 reais. Assim, será possível apreciar, do céu, as favelas da Rocinha e do Vidigal, a península do Arpoador, praias como Ipanema, Copacabana e Leblon, o Jardim Botânico e a Lagoa Rodrigo de Freitas.

A alturas como esta, talvez ainda consiga localizar a multidão de escaladores nas montanhas mais próximas. O Rio de Janeiro tem a maior floresta tropical urbana. O Pão de Açúcar, o Morro da Babilônia e o Morro da Urca fazem parte de uma das maiores áreas urbanas do mundo para escalada. Estas formações de granito oferecem uma grande quantidade de percursos para os adeptos a este esporte, embora também haja trilhas para fazer a pé. Entre as mais famosas, está a Via dos Italianos, com três trajetos diferentes e algumas variantes até chegar ao Pão de Açúcar.

Para os amantes da adrenalina, a oferta não termina aqui. Há empresas que oferecem voos de quinze minutos de asa-delta e parapente a partir da Pedra Bonita: formação rochosa a 520 metros de altura que fica no Parque Nacional da Tijuca. Para realizá-los, não é preciso ter experiência. Basta seguir as instruções do monitor.

Escalada no Rio

O Rio de Janeiro dispõe de mais de 1.000 rotas de escalada. Algumas são muito simples, mas há outras que exigem experiência e ter o equipamento adequado. Se decidir escalar no Rio de Janeiro, consulte as empresas do setor: RioXtreme (www.rioxtreme.com) e Nattrip (www.nattrip.com.br) são duas delas. Também há percursos para principiantes, que duram de três a seis horas. A melhor época para praticar escalada é de maio a setembro.

Voo livre

No Parque Nacional da Tijuca, encontra-se uma plataforma para iniciar voos livres de parapente e asa-delta. Ao escolher uma dessas modalidades, você sentirá a liberdade de movimento de um voo sem motor com vistas incríveis do litoral, aterrissando suavemente na praia de São Conrado. Entre as empresas que realizam este tipo de aventura, estão a Delta Flight (www.deltaflight.com.br), a Rio Tandem Fly (www.riotandemfly.com.br) e a Trota (www.trota.com.br).