0800 940 8840
Horário de atendimento:
24 horas
TUI DE

Cais do lazer

 Fisherman’s Wharf.
Aquário da baía em Fisherman’s Wharf.
Leões-marinhos no Pier 39.
Labirinto no Fisherman’s Wharf.
Escultura no Píer 39.

T photography / Shutterstock.com f11photo / Shutterstock.com Jeff Whyte / Shutterstock.com bluebeat76 / Shutterstock.com Jeff Whyte / Shutterstock.com

Lugar familiar de São Francisco localizado em um bairro popular e movimentado, o Fisherman’s Wharf. Lá, tudo se relaciona com o mar, desde restaurantes até lembrancinhas da cidade.
Por baixo da marina, estão os vestígios dos edifícios destruídos pelo fogo e pelo terremoto de 1906. Mas em Fisherman’s Wharf, soube-se reconstruir um novo espaço onde não havia lugar para a tragédia. Um espaço contagiado pelo amor que os antigos pescadores da região tinham pelo mar. O resultado é este parque de diversões onde tudo tem um encanto marítimo.

O bairro é composto por várias ruas, todas elas de frente para a baía, e sua extensão vai desde Ghirardelli Square, ou a avenida Van Ness, até a doca 35 ou a rua Kearny. Lá estão muitos dos pontos turísticos da cidade como o shopping Cannery, uma antiga fábrica de conservas transformada em espaço de lojas e restaurantes. Também marcam presença o Parque Marítimo Histórico Nacional e o Ghirardelli Square, com sua fábrica de chocolate. Alguns museus de destaque são: o Ripley’s Believe It or Not!, que homenageia uma antiga série de documentários de mesmo nome sobre acontecimentos estranhos; e o Musée Mécanique, de entrada gratuita, onde são apresentados instrumentos musicais mecânicos e máquinas recreativas antigas. Também estão ali o inconfundível Museu de Cera Madame Tussauds, onde, além de se poder tirar fotos com celebridades e esportistas, será possível ver reproduções de personagens históricos do município como Harvey Milk ou Al Capone em sua cela de Alcatraz.

Seus variados restaurantes também estão estreitamente relacionados com a tradição marinheira do lugar. Faz muitas décadas que se estabeleceram negócios familiares por lá, entre eles o Alioto’s, no nº 8 de Fisherman’s Wharf (em funcionamento desde 1925); ou o Pompei’s Grotto, fundado em 1946 no nº 340 da rua Jefferson. Forbes Island é um restaurante flutuante de estilo francês que só abre das 17h às 21h. Em qualquer um deles, é quase obrigatório provar a sopa de peixe, quase sempre com amêijoas, servida dentro de um pão em forma de tigela (o chamado "chowder in a bread bowl"), prato típico da gastronomia local. Este tipo de pão tradicional pode ser comprado ainda na rede de padarias Boudin, localizada na mesma rua Jefferson.

Por sua vez, o Píer 39 é talvez o lugar mais icônico. Inaugurado em 1978, era um porto voltado aos esportes. Foi convertido em shopping e em um dos maiores pontos turísticos da cidade. Ao longo da marina, há diferentes atrações, como um carrossel, espetáculos de rua e, sobretudo, uma comunidade de centenas de leões-marinhos. No Píer 39, há um local importante para boa parte da população mundial: a loja para canhotos Lefty’s. Lá também está a curiosa Puppets On The Pier, com mais de 500 modelos de cômicas marionetes inspiradas em animais e personagens de desenhos animados como "Pinóquio". Há joalherias como S. F. Gold e Pearl Factory, com autênticas pérolas de ostras havaianas; e uma das lojas mais visitadas: San Francisco Salt Company, onde são fabricados e vendidos sais de banho artesanais com 24 fragrâncias à sua escolha.

As lojas abrem todos os dias da semana, entre 10h e 20h, e não é difícil chegar lá: só é preciso pegar o bonde histórico da linha F (Market e Wharves) e seguir até as ruas Jefferson e Taylor. Você pode ir também de ônibus, parando na Fisherman’s Wharf / Píer 39. Por fim, há a opção do ferry. De lá, partem também os cruzeiros da companhia Blue & Gold Fleet desde os anos 1970.

Focas que vieram para ficar

Uma das atividades favoritas de quem visita o Píer 39 é observar a colônia de 500 leões-marinhos que tomam sol e descansam, alheios a tudo, em frente ao cais de madeira. Estão lá desde o terremoto de 1989 e sobrevivem graças ao peixe que oferecem a eles todas as manhãs. Nesse mesmo cais, há um centro de estudos de leões-marinhos, para que se possa coletar informações sobre a espécie. Fica aberto das 10h às 17h. Como turista, não perca a loja de suvenires do local, onde poderá comprar uma foca de pelúcia como recordação.

Atrações para todos os gostos

Fisherman’s Wharf se parece muito com um parque de atrações à beira-mar. Uma destas atrações é o Magowan’s Infinite Mirror Maze, colorido labirinto de espelhos que o deixará confuso para que não encontre a saída. A entrada custa 5 dólares e está aberto todos os dias a partir das 10h. Há mais: as Escadas Musicais, cujos degraus reproduzem notas musicais; o 7D Experience, teatro que projeta imagens em 3D; e o tradicional carrossel, decorado com desenhos da cidade pintados à mão.